Pular para o conteúdo principal

Veja apenas o lado iluminado de tudo

Devemos sempre ver apenas o lado iluminado das coisas e dos fatos. É preciso que fechemos decisivamente os olhos mentais em relação ao lado escuro,desagradável e doentio de tudo.
A mente tem a tendência de ser atraída pelo lado negativo das coisas e dos fatos. E,por consequinte,mantemos sempre na mente a infelicidade, a doença ou a desarmonia,de modo que a substância da nossa mente não pára de fabricar esses fatos negativos.
É por isso que neste mundo existem muito mais pessoas infelizes do que felizes. Desenhar sempre,com essa substância da mente, apenas situações positivas e felizes é a maneira de fabricarmos a felicidade. Há o seguinte ditado japonês:
"Quando a mente não está presente,a pessoa olha mas não vê".
Por mais que você esteja envolto por uma atmosfera de infelicidade,
se a sua mente deixar de reconhecê-la e passar a ver apenas o lado iluminado, nada que seja negativo poderá surgir em sua existência. Por maior que seja a desarmonia em seu lar, o importante é não ver essa desarmonia com os olhos mentais.
O que existe de verdade é apenas o bem. O que parece desarmonia é um meio pelo qual você atingirá a harmonia. São nas horas mais escuras da noite que os raios da aurora estão se preparando para brilhar com beleza ainda maior.
O que parece tristeza é,na verdade, prenúncio de uma imensa felicidade, cuja existência você ainda não percebeu.

(Livro: A Verdade - volume 4 - Masaharu Taniguchi)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MENSAGEM do dia 19 de novembro na voz de Adriano Carlos

MENSAGEM do dia 19 de novembro na voz de Adriano Carlos



Quem sabe não precisa? Um dia eu estava na frente de casa secando meu carro. Eu tinha acabado de lavar o carro e esperava minha esposa para sair para o trabalho. Vi, descendo a rua, um homem que a sociedade consideraria um mendigo. Pela aparência dele, não tinha carro, nem casa, nem roupa limpa e nem dinheiro. Tem vez que você se sente generoso mas há outras vezes que você não quer nem ser incomodado. Este era um dia do "não quero ser incomodado".

- Espero que não venha me pedir dinheiro. Pensei.
Não veio. Passou e sentou-se em frente, no meio-fio do ponto de ônibus e não parecia ter dinheiro nem mesmo para andar de ônibus. Após alguns minutos falou,
- É um carro muito bonito.

Sua voz era áspera mas tinha um ar de dignidade em torno dele. Eu agradeci e continuei secando o carro.
Ele ficou lá. Quieto, sentado enquanto eu trabalhava. O previsto pedido por dinheiro nunca veio. Enquanto o silêncio entre nós aumentava, uma voz…