Pular para o conteúdo principal

A oração que eu esqueci....


Senhor,
Proteja as nossas dúvidas,
porque a Dúvida é uma maneira de rezar.
É ela que nos faz crescer, porque nos obriga
a olhar sem medo para as muitas respostas
de uma mesma pergunta.
E para que isto seja possível,

Senhor,
proteja as nossas decisões,
porque a Decisão é uma maneira de rezar.
Dai-nos coragem para, depois da dúvida,
sermos capazes de escolher entre um
caminho e outro.

Que o nosso sim seja sempre um sim,
e o nosso não seja sempre um não.
Que uma vez escolhido o caminho,
jamais olhemos para trás,
nem deixemos que nossa alma seja corroída
pelo remorso.
E para que isto seja possível,

Senhor,
proteja as nossas ações,
porque a Ação é uma maneira de rezar.
Fazei com que o pão nosso de cada dia
seja fruto do melhor que levamos dentro de nós mesmos.
Que possamos, através do trabalho e da Ação,
compartilhar um pouco do amor que recebemos.
E para que isto seja possível,

Senhor,
proteja os nossos sonhos,
porque o Sonho é uma maneira de rezar.
Fazei com que, independente de nossa idade
ou de nossa circunstância, sejamos capazes
de manter acesa no coração a chama sagrada
da esperança e da perseverança.
E para que isto seja possível,

Senhor,
dai-nos sempre entusiasmo,
porque o Entusiasmo é uma maneira de rezar.
É ele que nos liga aos Céus e à Terra,
aos homens e às crianças,
e nos diz que o desejo é importante
e merece nosso esforço.
É ele que nos afirma que tudo é possível,
desde que estejamos totalmente comprometidos
com o que fazemos.
E para que isto seja possível,

Senhor,
proteja-nos, porque a Vida é a única maneira
que temos para manifestar o Teu milagre.
Que a terra continue transformando a semente
em trigo, que nós continuemos transmutando o
trigo em pão. E isto só é possível se tivermos
Amor - portanto, nunca nos deixe em solidão.
Dai-nos sempre a Tua companhia, e a companhia
de homens e mulheres que têm dúvidas, agem,
sonham, se entusiasmam,
e vivem como se cada dia
fosse totalmente dedicado à Tua glória.
Amém.


Paulo Coelho.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MENSAGEM do dia 19 de novembro na voz de Adriano Carlos

MENSAGEM do dia 19 de novembro na voz de Adriano Carlos



Quem sabe não precisa? Um dia eu estava na frente de casa secando meu carro. Eu tinha acabado de lavar o carro e esperava minha esposa para sair para o trabalho. Vi, descendo a rua, um homem que a sociedade consideraria um mendigo. Pela aparência dele, não tinha carro, nem casa, nem roupa limpa e nem dinheiro. Tem vez que você se sente generoso mas há outras vezes que você não quer nem ser incomodado. Este era um dia do "não quero ser incomodado".

- Espero que não venha me pedir dinheiro. Pensei.
Não veio. Passou e sentou-se em frente, no meio-fio do ponto de ônibus e não parecia ter dinheiro nem mesmo para andar de ônibus. Após alguns minutos falou,
- É um carro muito bonito.

Sua voz era áspera mas tinha um ar de dignidade em torno dele. Eu agradeci e continuei secando o carro.
Ele ficou lá. Quieto, sentado enquanto eu trabalhava. O previsto pedido por dinheiro nunca veio. Enquanto o silêncio entre nós aumentava, uma voz…