Pular para o conteúdo principal

Vamos Fofocar...

Datena recusou R$ 800 mil do SBT
José Luiz Datena recusou uma proposta milionária do SBT. Silvio Santos ofereceu ao jornalista R$ 800 mil por mês, além de pagar R$ 31 milhões de multas com a Band e com a Rede TV!. Após acertar a transferência, Datena procurou Johnny Saad, presidente do grupo Bandeirantes, que pediu para ele não deixar o canal, pois é a maior audiência da emissora e também porque foi o pai dele, João Saad, quem havia dado o primeiro emprego a ele.

Datena renovou por cinco anos com a Band e recebeu um aumento de salário. Silvio Santos ficou bastante nervoso. "Faz tempo que tenho vontade de trabalhar com o Silvio, mas não chegou a hora", disse Datena.

R$ 18 mil

Jesus Luz, namorado da Madona tocou por meia hora ontem, em Balneário Camboriú. Exigiu cinco seguranças e a promessa de não haver entrevistas. Levou R$ 18 mil.

Dedo solto

No Twitter, Boninho, diretor do "BBB", afirmou que o programa "Altas Horas" dá sono.

Dedo solto 2

Ele também criticou "Zorra Total": "Acho um bom trabalho, mas poderia ser mais jovem." Boninho ainda elogiou Silvio Santos, Hebe e o "Pânico".

Princesa no pagode

Parte do próximo "Um Dia de Princesa", do "Show da Gente", do SBT, foi gravado no Rio. Lá, o repórter Luiz Bacci levou a participante para conhecer o pagodeiro Belo.

Voyeur

Nicola Siri e Gabriel Braga Nunes estavam bem animados na festa da ex-BBB Bianca Jahara, em uma casa de suingue, no Rio, no domingo. Nunes foi bastante atencioso com as fãs. Siri conferiu uma performance de sexo ao vivo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MENSAGEM do dia 19 de novembro na voz de Adriano Carlos

MENSAGEM do dia 19 de novembro na voz de Adriano Carlos



Quem sabe não precisa? Um dia eu estava na frente de casa secando meu carro. Eu tinha acabado de lavar o carro e esperava minha esposa para sair para o trabalho. Vi, descendo a rua, um homem que a sociedade consideraria um mendigo. Pela aparência dele, não tinha carro, nem casa, nem roupa limpa e nem dinheiro. Tem vez que você se sente generoso mas há outras vezes que você não quer nem ser incomodado. Este era um dia do "não quero ser incomodado".

- Espero que não venha me pedir dinheiro. Pensei.
Não veio. Passou e sentou-se em frente, no meio-fio do ponto de ônibus e não parecia ter dinheiro nem mesmo para andar de ônibus. Após alguns minutos falou,
- É um carro muito bonito.

Sua voz era áspera mas tinha um ar de dignidade em torno dele. Eu agradeci e continuei secando o carro.
Ele ficou lá. Quieto, sentado enquanto eu trabalhava. O previsto pedido por dinheiro nunca veio. Enquanto o silêncio entre nós aumentava, uma voz…